SEJA FELIZ ღ ƬhataLyScal ღ : Outubro 2009
Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ Bem Vindos!!! Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

♥ MÃE ♥ Verdadeira Lição de Amor ♥

Sabe-se que neste mundo de provas e expiações o amor é quase impossível, considerando-se que este termo não significa a vulgaridade em que é empregado, nem tão pouco um simples gesto de sentimento tem a grandeza e a integridade desta palavra. Amor é a pureza do espírito/alma, é a libertação de todas as maledicências que o ser humano adquire no transcorrer de suas vidas, e é, sobretudo, a simplicidade, a humildade, e a compreensão que uma pessoa possa sentir diante de qualquer dificuldade. Não há como compreender a singeleza do amor sem observar a estrutura que cerca o trabalho de uma mãe que, sem interesse, e muita abnegação se doa àquele que muitas vezes são desafetos de um passado não muito distante, e que rebelde, somente a mãe lhe acende a luz do arrependimento.

A mãe verdadeira perde noite de sono a espreitar seu filho que pode a qualquer momento se sufocar ou adoecer devido a sua fragilidade, que não está acostumado com um mundo de tantas impurezas e vibrações deletérias, onde pode encontrar os seus desafetos eivados de vinganças. Ser mãe é renunciar a tudo em uma dedicação para aquele que ela gerou, poderia dizer melhor, deu a luz, proporcionou oportunidade para que o ser pudesse vir ao mundo, para por em prática alguns ensinamentos divinais. A verdadeira mãe se pauta na dedicação de ajudar na evolução espiritual, daquele que caminha tropeçando nas dificuldades da vida material, pois somente a vigilância da mãe é que fará acender a luz do amor dentro de um coração que não conhece o caminho da verdade e da vida.

Qual é a mãe que quer ver o seu filho no sofrimento e na dor, praticando as maiores atrocidades de ignorância do bem e rejeição aos caminhos de uma vida séria de dedicação e de prosperidade, tal qual acontece com aquele que a sua mãe está colada em sua trajetória do bom viver? Observe que muitas vezes as mães escondem problemas causados pelos filhos, como forma de proteção excessiva que em muitos momentos prejudicam até ao seu processo de progressão ao entendimento da vida. Contudo, estes excessos dizem respeito ao apego da mãe que é muito forte e precisa ser contido, mas o importante é que isto serve de exemplo para sentir o amor de mãe que deve ser melhor compreendido, pois, o amor verdadeiro não tem o sentido de posse, nem de intransigência.

O símbolo do amor puro está no amor de mãe quando a dor do parto e a doação do leite materno fazem com que a afinidade seja cada vez mais forte e auxiliativa, lançando-se muitas vezes nos mais perigosos lugares de sofrimento e dor para salva-guardar o seu filho. Veja o sofrimento e a dor das mães de ladrões, de drogados, de prostitutas, e muitas outras formas de caminhos transviados que as deixam a pensar onde foi que erraram em sua educação que deixaram seus filhos em condições lastimáveis, diante da sociedade que reclama bons costumes. Aí está uma prova de dedicação, ou de conflito que os filhos pouco entendem, procurando suprir estes problemas com pagamentos, ou lembranças fúteis que não levam a nada.

Mãe é o símbolo da pureza porque tem a meiguice de estar sempre ao lado de seu filho que pode ser bom, ou pode ter o pior dos defeitos. Ela está sempre presente, dando-lhe força, coragem e ajudando a sair de suas dificuldades contraídas pela sua ignorância. A mãe é a elevação de uma boa vibração, de pedido a DEUS pelo seu filho que se desviou do caminho da verdade e da vida, em demanda de coisas que nem ele sabe para que servem. É o impulso da matéria que alimenta a ilusão de ter o que não é fruto de seu suor. Mãe é o sacrifício maior que a pessoa pode ter, pois, além de sua benevolência e candura existe o que é mais salutar que é ser mulher, que constitui a grandeza de Maria que suportou tão amavelmente o sofrimento de seu filho que foi a maior perfeição que a terra já possuiu, segundo os Evangelhos.

A luta da mãe começa no lar, com a educação que deseja que seu filho tenha para servir à sociedade, que espera para moldá-lo aos princípios que foram constituídos ao longo dos tempos, muitas vezes bem distantes das coisas de DEUS que são retilíneas, e que tudo se enverede pelo caminho correto. A educação que a mãe deseja para seu filho parte das conversações com o pai que pouco importa os caminhos que o filho deve tomar, é claro que nem todos, mas em sua maioria, o pai não dá a mínima para seu filho desviado. É a mãe que busca o melhor para seu filho, pedindo, mendigando, e se humilhando para que seu filho tenha uma vida melhor no futuro, isto é uma dedicação e o sentimento do amor brotando dentro dela, para levar o filho pelo melhor dos caminhos que deve seguir em busca de sua integridade e conforto.

Mesmo com toda a bondade que a mãe tem e demonstra constantemente no dia-a-dia de relacionamento com os seus, ela não passa despercebida da cultura e dos costumes que a humanidade criou ao longo de sua história, e isto tem trazido para a sua prole alguns desconfortos. Esses princípios impostos pelo poder maior da sociedade levam a que se alimente o egoísmo, a ganância, o orgulho e, além do mais, a inveja, pois tudo isto tem dificultado uma boa formação da mãe para com o filho, por mais boa-vontade que tenha em levar o seu filho pelo bom caminho. Inegavelmente, tudo isto faz parte do processo evolutivo que a humanidade deve passar para conhecer-se a si próprio, e todos que a cercam em toda a sua bondade, e/ou toda a sua maldade, e isto é importante.

No dia-a-dia das pessoas é comum as mães de qualquer nível social e, em especial, as mais pobres dizerem clara e convictamente: meus filhos, encostem-se numa árvore que dá sombra!, ou minha filha, não ande com fulana, porque ela é falada!, e muitas outras frases são comuns nas pessoas onde não entendem as verdades divinas. Não se pode incriminar as pessoas que dizem esses coisas, porque lhes faltam conhecimentos da vida, o entendimento do relacionamento entre os humanos, e a convivência que todos têm que ter para se auto-conhecer e trilhar com seus próprios pés. Com esta mentalidade, verifica-se que falta conhecimento das verdades e aprendizado para com a vida, do ponto de vista material e espiritual, porque as duas se completam.

Não há como condenar esses pensamentos de mães que querem o melhor para seus filhos, que buscam em sua ignorância tentar o melhor para aqueles que elas adoram tanto, e não querem vê-los com aqueles que ao seu entender são as más companhias, e os seus filhos devem ser melhores. Cabe àqueles que entendem, em esclarecê-las da ignorância imanente e mostrar-lhes o caminho da verdade e da vida, que são ensinamentos atribuídos a JESUS o CRISTO, a todos os seus seguidores que objetivam a harmonia do mundo, com o progresso para todos. Portanto, a mãe é abnegação, é amor, é pureza, e é, sobretudo, simplicidade e humildade em seu modo de vida para com os seus, e todos que as cercam, sem egoísmo, sem ciúmes, sem orgulho, e quando aparecem algumas coisas desse tipo é simplesmente por pura ignorância da verdade.

As pessoas não devem procurar as boas companhias, porque têm recursos, porque participam da sociedade, ou porque é bonita e inteligente, como acontece normalmente com aqueles que buscam uma sombra simplesmente para fugir das suas deficiências e insignificâncias. Devem compreender as pessoas como elas são, com os seus acertos e com seus defeitos, sempre procurando ajudá-las para aprimorá-las em seus acertos e corrigi-las em seus erros, sem causar danos aos ignorantes e viciosos do planeta. Infelizmente muitas mães incorrem este erro dos ditados populares, porém, só fazem por amor, por querer o melhor para os seus filhos e fazem este tipo de coisa na melhor das boas vontades, e terminam alimentando o orgulho, a inveja, a ganância, e coisas mais.

A mãe é um símbolo de pureza tão grande que ela se entrega ao sofrimento e a dor por conta das dificuldades dos filhos que vivem as vicissitudes da vida material, esquecendo os ensinamentos de mãe e caminham por lugares tortuosos, deixando-a em um estado de angústia e desespero. E quando as leis do mundo material entram em ação, essas pobres senhoras mentem, cometem absurdos e até praticam iniqüidades em nome do amor que têm para com seus filhos que não entenderam os ensinamentos que a mãe tão delicadamente desenvolveu para as suas criaturas. Este é o símbolo de pureza que na doação do amor esquece os bons costumes e pratica os mais terríveis atos que às vezes são impulsos de desafetos que querem continuar o seu trabalho de destruição e desarmonia.

Em resumo, a mãe é tudo isto que se acabou de sentir, tendo em vista que é o sentimento do amor, da caridade, da benevolência e da abnegação. Quando isto começa a salientar nas pessoas humanas, transmite uma sensação tão boa e salutar que é como se fosse um entorpecimento em todo aquele que é feliz, sente o amor, e a liberdade de vida. O impulso sentimental que leva à cegueira a tudo que é bom alimenta sentimentos contrários que, ao invés de confortar, destrói, degrada, sobretudo, desvirtua o sentido real do amor que as pessoas devem sentir umas pelas outras, sem egoísmo e sem ganância. Finalmente, o amor, em especial, o amor de mãe, não tem ganância, não tem egoísmo, não tem orgulho, não tem o sentido de posse, e não tem o princípio de fomentar a maldade e a ignorância do bem, é simplicidade, humildade, e abnegação acima de todas as coisas da matéria.

-Autor Desconhecido-

Leia mais...

Ilusão-Caravelas ou Ponte?

Leia mais...

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

DEUS CUIDA DE NÓS


Em meio a tribulações não nos percebemos,
angustiados quase cedendo ao infortúnio,
temos a consciência do mal que há
e tomamos atitudes desesperadas
para dele nos livrarmos.

Pensamentos entorpecidos,
parece não brotar mais as idéias brilhantes
e mergulhamos em um mar
de péssimas sensações infelizes.
Mas, esquecemos que há alguém,
superior a nós em todos os conhecimentos da vida
que zela por nossa paz.

Numa distração,
num momento em que nos desprendemos
por alguns instantes da inquietação,
lembramos que há um pai,
cheio de recursos e esperanças para nossas vidas.

Renasce um sorriso,
ressurge a fé
e vemos o quão pequenos somos
frente ao nosso próprio medo,
medo que não tem razão de ser
e que de fato não é...

Então que idéia podemos ter de nós mesmos?
Seria a idéia de que não acreditamos em Deus?
Ou teríamos a certeza de que nossa fé é muito fraca?
De fato, não temos forças nem mesmo para crer,
fé de palavra, de boca.
Fé que pensamos existir mas
que nem sabemos o que é.

Pregamos algo que não conhecemos e
isso descobrimos quando nossa fé é colocada a prova.
Mesmo assim,
Deus em sua infinita bondade nos suporta.

E podemos entender quais são os passos
que levam ao rumo da perfeição,
os passos que devemos seguir para melhorarmos,
para crescermos,
pois são os passos que
Deus tem cuidado para conosco,
de tanta benevolência
até com quem não acredita Nele.

-Autor desconhecido-

Leia mais...

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

3D - Desenho no asfalto - As pinturas são
feitas com Giz e o artista é Julian Beever.

Leia mais...

terça-feira, 27 de outubro de 2009

ALICERCE - Não Esqueça Sua Raiz...

http://www.diadaarvore.org.br/assets/arvores/arvore.jpg
*Para determinar a sua altura é necessário primeiramente trabalhar na sua profundidade .
- Gordom Keen*


Uma árvore forte e frondosa cresce de uma semente que aponta para duas
direções.
Antes que essa árvore crescesse para cima, apontando para o céu,

ela teve que primeiramente aprofundar e deixar crescer suas raízes.
As
raízes dão a postura à árvore, e a alimentam de tal maneira que ela possa
crescer altaneiramente.
Para cada árvore que atinge as alturas existe uma raiz firme, sólida,
invisível, mas absolutamente crítica e essencial.
Sem ela a árvore sucumbe,
diante do mais mínimo obstáculo.

São freqüentes as vezes em que, ao nos determos na vida de pessoas
bem-sucedidas, vemos tão-somente os galhos da árvore, e nos esquecemos da raiz.
Da mesma forma, o sucesso alheio pode nos parecer haver sido

alcançado com facilidade - isso porque falhamos em enxergar a dedicação, a
disciplina e a diligência na preparação dos alicerces.

O sucesso realmente genuíno e duradouro só é possível quando você constrói
a sua casa sobre alicerces que podem lhe trazer frutos preciosos não apenas
para esta vida, mas para toda a eternidade.

"Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as pratica será comparado a um homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha; e caiu a chuva, transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram com ímpeto contra aquela casa, que não caiu, porque fora edificada sobre a rocha."
(Mateus 7:24,25)
-Autor Desconhecido-

Leia mais...

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Ilusão - Muita Concentração...

Leia mais...

domingo, 25 de outubro de 2009

A Lição do Sapinho
Não Desista dos Seus Sonhos!

Recados Para Orkut - RecadosOnline.com

Era uma vez uma corrida de sapinhos.

O objetivo era atingir o alto de uma grande torre.

Havia no local uma multidão assistindo.

Muita gente para vibrar e torcer por eles.
Começou a competição.

Mas como a multidão não acreditava que os sapinhos pudessem alcançar o alto daquela torre, o que mais se ouvia era:

“Que pena !!! Esses sapinhos não vão conseguir.

Não vão conseguir.”

E os sapinhos começaram a desitir.

Mas havia um que persistia e continuava a subida, em busca do topo.

A multidão continuava gritando :

“Pena!!! Vocês não vão conseguir.”

E os sapinhos estavam mesmo desistindo um por um, menos aquele sapinho que continuava tranqüilo, embora arfante.

Ao final da competição, todos desistiram, menos ele.

A curiosidade tomou conta de todos.

Queriam saber o que tinha acontecido.

E assim, quando foram perguntar ao sapinho como ele havia conseguido concluira prova, descobriram que ele era surdo.

Moral da história: n
ão permita que pessoas com o péssimo hábito de serem negativas, derrubem as melhores e mais sábias esperanças de seu coração.
Lembre-se sempre: há poder em nossas palavras e em tudo o que pensamos.Seja Positivo!!!

{ Seja surdo quando as pessoas dizerem que você não pode realizar SEUS SONHOS! }

-Autor Desconhecido-

Leia mais...

Ilusão-Parecem cobrinhas andando.

Leia mais...

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

GRANDES e pequenas MULHERES
-Martha Medeiros-


HÁ MULHERES DE TODOS OS GÊNEROS.HISTÉRICAS,BATALHADORAS,FRESCAS,PROFISSIONAIS,CHATAS,INTELIGENTES,GOSTOSAS,PARASITAS,SENSACIONAIS.MULHERES DE ORIGENS DIVERSAS,DE IDADES VÁRIAS,MULHERES DE POSSES OU DE GRANA CURTA.

MULHERES DE TUDO QUANTO É JEITO.

MAS SE EU FOSSE HOMEM PRESTARIA ATENÇÃO APENAS NUM REQUISITO: SE A MULHER É DO TIPO QUE PUXA PRA CIMA OU SE É DO TIPO QUE EMPURRA PRA BAIXO.

DIZEM QUE POR TRÁS DE TODO GRANDE HOMEM EXISTE UMA GRANDE MULHER.MEIA-VERDADE.ELE PODE SER GRANDE ESTANDO SOZINHO TAMBÉM.MAS COM UMA MULHER XAROPE ELE NÃO VAI CHEGAR A LUGAR ALGUM.

MULHER QUE PUXA PRA CIMA É MULHER QUE APOSTA NAS DECISÕES DO CARA,QUE NÃO FICA TELEFONANDO PRO ESCRITÓRIO TODA HORA,QUE TEM A PROFISSÃO DELA,QUE O APÓIA QUANDO ELE DIZ QUE VAI PEDIR DEMISSÃO POR QUESTÕES ÉTICAS E QUE CONFIA QUE VAI DAR TUDO CERTO.

MULHER QUE EMPURRA PRA BAIXO É A QUE PÕE MINHOCA NA CABEÇA DELE SOBRE OS SEUS COLEGAS,A QUE TEM ACESSOS DE CARÊNCIA BEM NA HORA QUE ELE TEM QUE ENTRAR NUMA REUNIÃO,A QUE NÃO AVALIZA NENHUMA MUDANÇA QUE ELE PROPÕE,A QUE QUER MANTER TUDO COMO ESTÁ.

MULHER QUE PUXA PRA CIMA É A QUE DÁ UNS TOQUES NA HORA DE ELE SE VESTIR,A QUE NÃO PERTURBA COM QUESTÕES MENORES,A QUE INCENTIVA O MARIDO A PROCURAR OS AMIGOS,A QUE SEPARA MATÉRIAS DE REVISTA QUE POSSAM INTERESSÁ-LO,A QUE INDICA LIVROS,A QUE INDICA LIVROS,A QUE FAZ AMOR COM VONTADE.

MULHER QUE EMPURRA PRA BAIXO É A QUE RECLAMA DO SALÁRIO DELE,A QUE NÃO ACREDITA QUE ELE TENHA TACO PRA ASSUMIR UMA PROMOÇÃO,A QUE ACHA QUE VIAJAR É DESPESA E NÃO INVESTIMENTO,A QUE TEM CIÚMES DA SECRETÁRIA.

MULHER QUE PUXA PRA CIMA É A QUE DÁ CONSELHOS E NÃO PALPITE,A QUE ACOMPANHA NAS FESTAS E NAS ROUBADAS,A QUE TEM BOM HUMOR.

MULHER QUE EMPURRA PRA BAIXO É A QUE DEBOCHA DOS DEFEITOS DELE EM RODINHAS DE AMIGOS E QUE NÃO ACREDITA QUE ELE VÁ MAIS LONGE DO QUE JÁ FOI.

"SE POR TRÁS DE TODO GRANDE HOMEM EXISTE UMA GRANDE MULHER,ENTÃO VALE O INVERSO TAMBÉM:POR TRÁS DE UM PEQUENO HOMEM TALVEZ EXISTA UMA MULHERZINHA DE NADA".

-Martha Medeiros-

Leia mais...

Ilusão-Fixe os olhos no centro...

Leia mais...

O Vaso Chinês

http://2.bp.blogspot.com/_hTCfItg3wRU/SHqIt9Bqj7I/AAAAAAAAAVw/04uATkbNxoI/s400/vaso%2Bchin%C3%AAs.jpghttp://2.bp.blogspot.com/_hTCfItg3wRU/SHqIt9Bqj7I/AAAAAAAAAVw/04uATkbNxoI/s400/vaso%2Bchin%C3%AAs.jpg
Uma velha senhora chinesa possuía dois grandes vasos, cada um suspenso na extremidade de uma vara que ela carregava nas costas.
Um dos vasos era rachado e o outro era perfeito.
Este último estava sempre cheio de água ao fim da longa caminhada da torrente até a casa, enquanto aquele rachado chegava meio vazio.
Por longo tempo a coisa foi em frente assim, com a senhora que chegava em casa com somente um vaso e meio de água.
Naturalmente o vaso perfeito era muito orgulhoso do próprio resultado e o pobre vaso rachado tinha vergonha do seu defeito, de conseguir fazer só a metade daquilo que deveria fazer.
Depois de dois anos, refletindo sobre a própria amarga derrota de ser 'rachado', o vaso falou com a senhora durante o caminho:
Tenho vergonha de mim mesmo, porque esta rachadura que eu tenho me faz perder metade da água durante o caminho até a sua casa...
A velhinha sorriu
Você reparou que lindas flores tem somente do teu lado do caminho?
Eu sempre soube do teu defeito e portanto plantei sementes de flores na beira da estrada do teu lado.
E todo dia, enquanto a gente voltava, tu as regavas.
Por dois anos pude recolher aquelas belíssimas flores para enfeitar a mesa.
Se tu não fosses como és, eu não teria tido aquelas maravilhas na minha casa.

Cada um de nós tem o próprio defeito.
Mas o defeito que cada um de nós temos, é que faz com que nossa convivência seja interessante e gratificante.
É preciso aceitar cada um pelo que é...
E descobrir o que tem de bom nele.
Portanto, meu 'defeituoso' amigo, lembre de regar as flores do seu lado do caminho... sem esquecer, que também sou 'defeituoso'...

-Autor desconhecido-

{'Todo o homem é culpado do bem que não fez.' - Voltaire}

Leia mais...

Ilusão-Veja um sapo e um cavalo
no mesmo desenho.


Aqui você vê melhor:


Leia mais...

terça-feira, 20 de outubro de 2009

O que é Ter Coragem para MUDAR?

Um dia descobri que única revolução que pode mudar este mundo, para melhor, é aquela conflagração interna, necessária para subjugarmos o marasmo que se manifesta na capacidade de alterarmos o curso das nossas vidas.
Uma revolução interna, um crescimento, um despertar para um novo mundo, passa por um ato:
- A CORAGEM em fazer as opções certas e necessárias é importante;
CORAGEM se traduz em ser valente em face do perigo, mas inteligente e perspicaz para poder sair dele;
CORAGEM é ousadia, que precisa de desembaraço, e vem acompanhada de fortes doses de perseverança, que é uma atividade diária, constante, firme;
no entanto, a PERSEVERANÇA é quem efetua as mudanças dentro de um estilo de vida, que pode estar dando errado;
Se o seu estilo de vida não está em acordo com seus desejos, boas decisões devem ser tomadas para promover as alterações necessárias, mudando toda a sua forma de vida.
Aqui a coragem é testada.
Você não sabe se vai ser feliz, se mudar;
Pergunte-se:
- Estou exercendo o DOMÍNIO em minha vida e mudando a rota com CORAGEM? Estas ações e opções que fiz até o momento, me mantêm feliz agora?
Se você responder que sim, então realmente sua vida será como você deseja;
no entanto, se a sua resposta for não, é possível que nem tudo o que você tenha planejado, aconteça,
é possível até que NADA do que você tenha planejado, aconteça, aliás, é possível até que você NEM TENHA PLANEJADO NADA.
Meu amigo(a) querido(a)!
Não importa sua idade, sua condição social, a cor da sua pele, a sua tribo, a sua eficiência ou deficiência.
A hora é sempre agora!
Comece ao menos a pensar em mudar, mudar para ser melhor.
Não custa tentar, ser melhor, para fazer do mundo um lugar melhor.
Quando você perceber o primeiro sorriso no rosto de alguém,
é por que você já começou a mudar o mundo.
Isso não é contagiante?
Obrigado por estar aqui comigo.

Divulguem para que sejamos maiores e melhores!

CORAJOSOS, JUNTOS SOMOS TODOS UM!
- Jaime Teixeira Júnior -

Leia mais...

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Ilusão-Que tontura...

Leia mais...

domingo, 18 de outubro de 2009

Depende Só De Mim - Charles Chaplin


Hoje levantei cedo pensando no que devo fazer antes que o relógio marque meia-noite.
É minha função que tipo de dia eu vou ter hoje.

-Posso reclamar porque está chovendo... ou agradecer ás águas por lavarem a poluição e por renovar o ciclo das flores, das frutas.
-Posso ficar triste por não ter dinheiro... ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício.
-Posso reclamar sobre minha saúde... ou dar graças por estar vivo.
-Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria... ou posso ser grato por ter nascido.
-Posso reclamar por ter que ir trabalhar... ou agradecer por ter trabalho.
-Posso sentir tédio com as tarefas de casa... ou agradecer a Deus por ter teto para morar.
-Posso lamentar decepções com amigos... ou me entusiasmar com a possibilidade de novas amizades.

-Se as coisas não saírem como planejei, posso ficar feliz por ter o hoje para recomeçar.
-O dia esta na minha frente esperando para ser o que eu quiser.

E aqui estou eu, o escultor
que pode dar forma.

“TUDO DEPENDE SÓ DE MIM”

Leia mais...

Ilusão-Veja um Pato e um Coelho

Leia mais...

AMOR I-n-c-o-n-d-i-c-i-o-n-a-l
entre um Casal de Velhinhos!


Um dia, um velhinho foi a uma de suas consultas periódicas ao médico, só que desta vez um pouco apressado.
O médico então lhe perguntou:
- Porque a pressa? e ele respondeu:
- Todos os dias neste horário vou visitar minha esposa que está num asilo.
E o médico comentou:

- Que bacana! Então vocês matam as saudades, batem papo, namoram um pouquinho!!
E o velhinho diz:

- Não! Ela não me reconhece mais, por causa de sua doença.
O médico surpreso então pergunta:
- Mas porque então tanta pressa para vê-la, já que não o reconhece mais?
E com um sorriso no rosto, o velhinho responde:
- Mas eu a reconheço! Eu sei quem ela é e o que representa na minha vida há tantos anos.
Por isso todos os dias eu a reconquisto, como se cada conquista fosse única e verdadeira.

Este é o verdadeiro amor....
INCONDICIONAL!!!


-Autor desconhecido-

Leia mais...

Ilusão-Tente contar as bolinhas...



Estas estão rodando...

Leia mais...

sábado, 17 de outubro de 2009

O SONHO
Não podemos deixar de sonhar NUNCA!

http://osminorcasvvr.files.wordpress.com/2009/08/sonho.jpg
"Sonhe com aquilo que você quiser.

Seja o que você quer ser,porque você possui apenas uma vida e nela só se tem
uma chance de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem a importância das
pessoas que passam por suas vidas."

-Clarice Lispector-

Leia mais...

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

N E O Q E A V - Eternamente! ! !


Uma linda história de AMOR!

Meus avós já estavam casados há mais de cinqüenta anos e continuavam jogando um jogo que haviam iniciado quando começaram a namorar.
A regra do jogo era que um tinha que escrever a palavra "Neoqeav" num lugar inesperado para o outro encontrar e assim quem a encontrasse deveria escrevê-la em outro lugar e assim sucessivamente.
Eles se revezavam deixando "Neoqeav" escrita por toda a casa, e assim que um a encontrava era sua vez de escondê-la em outro local para o outro achar.
Eles escreviam "Neoqeav" com os dedos no açúcar dentro do açucareiro ou no pote de farinha para que o próximo que fosse cozinhar a achasse. Escreviam na janela embaçada pelo sereno que dava para o pátio onde minha avó nos dava pudim que ela fazia com tanto carinho.
"Neoqeav" era escrita no vapor deixado no espelho depois de um banho quente, onde a palavra iria reaparecer depois do próximo banho.
Uma vez, minha avó até desenrolou um rolo inteiro de papel higiênico para deixar "Neoqeav" na última folha e enrolou tudo de novo.
Não havia limites para onde "Neoqeav" pudesse surgir.
Pedacinhos de papel com "Neoqeav" rabiscado apareciam grudados no volante do carro que eles dividiam.
Os bilhetes eram enfiados dentro dos sapatos e deixados debaixo dos travesseiros.
"Neoqeav" era escrita com os dedos na poeira sobre as prateleiras e nas cinzas da lareira. Esta misteriosa palavra tanto fazia parte da casa de meus avós quanto da mobília. Levou bastante tempo para eu passar a entender e gostar completamente deste jogo que eles jogavam. Meu ceticismo nunca me deixou acreditar em um único e verdadeiro amor, que possa ser realmente puro e duradouro.
Porém, eu nunca duvidei do amor entre meus avós.
Este amor era profundo. Era mais do que um jogo de diversão, era um modo de vida.
Seu relacionamento era baseado em devoção e uma afeição apaixonada, igual as quais nem todo mundo tem a sorte de experimentar. O vovô e a vovó ficavam de mãos dadas sempre que podiam.
Roubavam beijos um do outro sempre que se batiam um contra outro naquela cozinha tão pequena. Eles conseguiam terminar a frase incompleta do outro e todo dia resolviam juntos as palavras cruzadas do jornal. Minha avó cochichava para mim dizendo o quanto meu avô era bonito, como ele havia se tornado um velho bonito e charmoso.
Ela se gabava de dizer que sabia como pegar os namorados mais bonitos.
Antes de cada refeição eles se reverenciavam e davam graças a Deus e bençãos aos presentes por sermos uma família maravilhosa, para continuarmos sempre unidos e com boa sorte.
Mas uma nuvem escura surgiu na vida de meus avós: minha avó tinha câncer de mama. A doença tinha primeiro aparecido dez anos antes. Como sempre, vovô estava com ela a cada momento. Ele a confortava no quarto amarelo deles, que ele havia pintado dessa cor para que ela ficasse sempre rodeada da luz do sol, mesmo quando ela não tivesse forças para sair.
O câncer agora estava de novo atacando seu corpo. Com a ajuda de uma bengala e a mão firme do meu avô, eles iam à igreja toda manhã. E minha avó foi ficando cada vez mais fraca, até que, finalmente, ela não mais podia sair de casa. Por algum tempo, meu avô resolveu ir à igreja sozinho, rezando a Deus para zelar por sua esposa. Então, o que todos nós temíamos aconteceu.
Vovó partiu.
"Neoqeav" foi gravada em amarelo nas fitas cor-de-rosa dos buquês de flores do funeral da vovó.
Quando os amigos começaram a ir embora, minhas tias, tios, primos e outras pessoas da família se juntaram e ficaram ao redor da vovó pela última vez.
Vovô ficou bem junto do caixão da vovó e, num suspiro bem profundo, começou a cantar para ela.
Através de suas lágrimas e pesar, a música surgiu como uma canção de ninar que vinha bem de dentro de seu ser. Me sentindo muito triste, nunca vou me esquecer daquele momento. Porque eu sabia que mesmo sem ainda poder entender completamente a profundeza daquele amor, eu tinha tido o privilégio de testemunhar a beleza sem igual que aquilo representava.

Aposto que a esta altura você deve estar se perguntando: "Mas o que Neoqeav significa"?

" NEOQEAV "
Nunca Esqueça O Quanto Eu Amo Você.

-Vitorazzi-

Leia mais...

Ilusão-Rodando/Afundando...


Leia mais...

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Ilusão-Está em movimento!
Três versões da mesma ilusão...



Leia mais...

CASA DE PASSAGEM...


Um sábio guru hindu que vivia como mendigo, depois de uma longa jornada, resolveu pedir hospedagem no palácio de um nobre.
Chegando perto da torre onde um sentinela montava guarda, ele disse:
"Por favor, diga ao seu soberano que eu preciso me hospedar aqui no seu castelo".
Intrigado com a petulância do mendigo, o sentinela mandou avisar ao nobre senhor o que acontecia.
Este, impressionado com a petulância do mendigo, mandou-o entrar para lhe dar uma lição de moral.
"Como você, que é um mendigo, me pede hospedagem em meu castelo?" perguntou o nobre ao sábio que respondeu:
"A quem pertencia este castelo antes de você?"
"Ao meu pai", respondeu o nobre.
"E antes de seu pai, quem era o dono?",
"Era do meu avô, evidentemente", continuou o nobre;
"E antes do seu avô, a quem pertencia o castelo?" , insistiu o mendigo;
"Ora, ao meu bisavô", insistiu o nobre.
A conversa se estendeu por algum tempo, o mendigo sempre perguntando a quem tinha pertencido o castelo, e o nobre sempre confirmando a pose do castelo a seus antepassados.
Por fim, o sábio falou:
"Não percebe? todos os seus antepassados foram donos deste castelo e morreram, não puderam levá-lo para a outra vida; isto aqui é uma casa de passagem, como uma hospedagem, por isso lhe peço para ficar aqui uma noite, pois estou apenas de passagem".
O soberano, impressionado com o discurso do mendigo, convenceu-se de que o castelo na verdade não era dele, pois ele também iria morrer um dia e não poderia levar o castelo com ele.
Naquela noite, o sábio hospedou-se num castelo, mas ciente estava que tudo aquilo era apenas passageiro.
Assim também pensou o soberano.
-Contado pelo personagem Chakar,de Lima Duarte em"Caminhos das Índias"(novela muitas vezes,nos faz refletir...)-

Leia mais...

Ilusão-Fixe os olhos no X e verá
círculos no lugar dos quadrados...

Leia mais...

O CARPINTEIRO


Um velho carpinteiro estava para se aposentar. Ele contou a seu chefe os seus planos de largar o serviço de carpintaria e de construção de casas e viver uma vida mais calma com sua família. Claro que sentiria falta do pagamento mensal, mas necessitava da aposentadoria.

O dono da empresa sentiu em saber que perderia um de seus melhores empregados e pediu a ele que construísse uma ultima casa como um favor especial. O carpinteiro consentiu, mas com o tempo era fácil ver que seus pensamentos e seu coração não estavam no trabalho. Ele não se empenhou no serviço e se utilizou de mão de obra e matérias primas de qualidade inferior.

Foi uma maneira lamentável de encerrar sua carreira.

Quando o carpinteiro terminou seu trabalho, o construtor veio inspecionar a casa e entregou a chave da porta ao carpinteiro. “Esta é a sua casa”, ele disse, “meu presente a você.”

Que choque! Que vergonha! Se ele soubesse que estava construindo sua própria casa, teria feito completamente diferente, não teria sido tão relaxado. Agora ele teria de morar numa casa feita de qualquer maneira.

A placa na parede está escrito:
“A vida é um projeto,faça você mesmo.”


Quem poderia dizer isso mais claramente?
Sua vida de hoje é o resultado de suas atitudes e escolhas feitas no passado.
Sua vida de amanhã será o resultado de suas atitudes e escolhas que fizer hoje...

Pense em você como o carpinteiro.
Pense sobre sua casa.
Cada dia você martela um prego novo, coloca uma armação ou levanta uma parede.
Construa sabiamente...

-Autor Desconhecido-

Leia mais...

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Ilusão-Girando!!!

Leia mais...

Você sabe AMAR ? Eu estou aprendendo...


Estou aprendendo a aceitar as pessoas, mesmo quando elas me desapontam.
Quando fogem do ideal que tenho para elas, quando me ferem com palavras ásperas ou ações impensadas.
É difícil aceitar as pessoas assim como elas são, não como eu desejo que elas sejam.
É difícil, muito difícil, mas estou aprendendo.
Estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a escutar, escutar com os olhos e ouvidos, escutar com a alma e com todos os sentidos.
Escutar o que diz o coração, o que dizem os ombros caídos, os olhos, as mãos irrequietas.
Escutar a mensagem que se esconde entre as palavras corriqueiras, superficiais; descobrir a angústia disfarçada, a insegurança mascarada, a solidão encoberta.
Penetrar o sorriso fingido, a alegria simulada, a vangloria exagerada.
Descobrir a dor de cada coração.
Aos poucos, estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a perdoar.
Pois o amor perdoa, lança fora as mágoas, e apaga as cicatrizes que a incompreensão e insensibilidade gravaram no coração ferido.
O amor não alimenta mágoas com pensamentos dolorosos.
Não cultiva ofensas com lástimas e autocomiseração.
O amor perdoa e esquece, extingue todos os traços de dor no coração.
Passo a passo estou aprendendo a perdoar, a amar.
Estou aprendendo a descobrir o valor que se encontra dentro de cada vida, de todas as vidas.
Valor soterrado pela rejeição, pela falta de compreensão, carinho e aceitação, pelas experiências vividas ao longo dos anos.
Estou aprendendo a ver nas pessoas a sua alma e as possibilidades que Deus lhe deu.
Estou aprendendo. Mas como é lenta a aprendizagem.
Como é difícil amar.
Todavia, tropeçando, errando, estou aprendendo.

Aprendendo a pôr de lado as minhas próprias dores, meus interesses, minha ambição, meu orgulho quando estes impedem o bem-estar e a felicidade de alguém.

Como é duro amar...
Eu estou aprendendo.

E você?
Sabe amar?

-Autor desconhecido-

Leia mais...

domingo, 11 de outubro de 2009

Ilusão-Salta aos olhos!!!

Leia mais...

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

PEGADAS NA AREIA...

http://1.bp.blogspot.com/_rCYivI-l7lA/Sd-T2ecm_-I/AAAAAAAAAAw/vkL20g8NYrE/s400/Pegadas+na+areia.jpg

Uma noite eu tive um sonho...
Sonhei que estava andando na
praia com o Senhor,e através do
Céu, passavam cenas de minha vida.
Para cada cena que passava,percebi
que eram deixadas dois pares de
pegadas na areia;um era o meu e o
o
utro do Senhor.

Quando a última cena de minha vida
passou diante de nós,olhei para trás,
para as pegadas na areia,e notei que
muitas vezes no caminho da minha vida
havia apenas um par de pegadas na areia.
Notei também que isso aconteceu nos
momentos mais difícies e angustiosos
da minha vida. Isso aborreceu-me deveras,e perguntei então ao Senhor:

"Senhor, Tu me disseste que,uma vez que
eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre
comigo, todo o caminho, mas notei que
durante as maiores atribulações do meu
viver havia na areia dos caminhos da
vida, apenas um par de pegadas.
Não compreendo porque nas horas
em que eu mais necessitava de Ti, Tu
me deixastes".
O Senhor respondeu:
Meu precioso filho, Eu te amo e jamais
te deixaria nas horas da tua prova e
do teu sofrimento.
Quando vistes na areia apenas um par
de pegadas, foi exatamente aí que
EU TE CARREGUEI EM MEUS BRAÇOS".---

-Margareth Fishback Powers-(Livro "Pegadas na areia")

Leia mais...

Selo excellent:

Este selo dá, a cada blogueiro, o reconhecimento do seu valor.

excellent
Ganhei da amiga Serenissíma do Blog:
http://poeticaecotidiana.blogspot.com/
*No dia do meu aniversário:30/01/2010.*